OU

Blog

Aprenda a ter as melhores ações em situações de emergência

Aprenda a ter as melhores ações em situações de emergência

Ninguém gosta de passar por situações de emergência. Com seu carro então, nem se fala. Quando algo dá errado, a dor de cabeça é certa. Você já pensa nas manutenções necessárias e quanto terá que gastar. Mas será que você pensa antes de tomar alguma atitude no momento?

 

Não dá para você simplesmente abrir o capô ou sair trocando os pneus do carro automaticamente. Você precisa ter cuidado ao agir para não piorar ainda mais as coisas. Eu acho que você não iria gostar de mais prejuízos…

 

Listamos algumas dicas importantes para você saber o que fazer em cada situação.

 

Antes de se esquentar, acalme-se!

 

Se seu carro começou a ferver, é melhor não ferver junto com ele. Nessa situação, você provavelmente abriria o capô imediatamente, correto? Errado! Não faça isso enquanto o carro não tenha liberado todo o vapor acumulado. A não ser que você queria receber uma dose de calor no rosto…

 

Ação pior somente se você tentar abrir o seu reservatório do carro. Em situações de emergência onde o carro esteja fervendo, o reservatório irá se comportar igual uma panela de pressão, expelindo o líquido de arrefecimento para todos os lados. Isso pode gerar uma queimadura mais grave. O recomendado é que você aguarde o carro esfriar por completo para só depois procurar ajuda ou encher o local.

 

Seu carro não é uma criança! Não use chupeta

 

É muito comum que os motoristas recorram a famosa chupeta quando a bateria vai para o espaço. Ok, pode ser uma prática comum, mas não é uma prática recomendável, pelo contrário. Se você optar pela chupeta, você pode acabar sobrecarregando a bateria e uma pane no sistema elétrico é questão de tempo.

 

O problema já começa antes mesmo de se transferir a carga, ao utilizar cabos que possam estar em más condições, com emendas ou até se não obtiverem a espessura correta para a utilização. Além disso, você pode errar a posição dos pólos da bateria ou no modo de operar os veículos. Medir a amperagem também é uma possibilidade de causar um erro.

 

A melhor forma de agir nessa situação de emergência é carregando a bateria fora do carro. Apoiado por uma bateria externa, o arriamento pode funcionar de forma mais segura. Entretanto, se houver a necessidade de repetição ou se a ligação direta não funcionar em duas ou três tentativas, é hora de dar adeus para sua bateria.

 

Não cause outras situações de emergência: pneus não são simples

 

Você já reparou que na parte de baixo do veículo há setas indicativas? Adivinhe: elas não servem apenas para enfeite. As setas servem para uma coisa muito simples, porém muito útil. Indicar onde o macaco deverá ser posicionado.

 

Tudo bem, você pode brincar de super herói e arriscar colocar em outra posição. Mas não vá reclamar quando surgir um belo de um amassado na sua lataria. Se algo existe para indicar, provável que seja por uma boa causa.

 

Anotou as nossas dicas? Agora é hora de aproveitar, revisar seu carro na Auto Bitts e saber o que fazer caso passe por uma dessas situações de emergência. Motorista bom é aquele que passa na Auto Bitts e sabe cuidar do próprio carango.