OU

Blog

Escolhendo e preservando a melhor bateria automotiva para seu carro

Escolhendo e preservando a melhor bateria automotiva para seu carro

Dentre os maiores problemas dos proprietários de carro, a falta de conhecimento sobre seu veículo e suas especificações estão no topo dos conflitos gerados na hora de trocar peças. Com bateria automotiva não é diferente: pouco importa quais são as especificações recomendadas. Ao trocar o equipamento, os condutores tendem a levar diretamente às lojas de autopeças sem saber se a bateria adquirida é a recomendada para o modelo, gerando risco ao motorista. Utilizar baterias com especificações distintas pode prejudicar o funcionamento do veículo.

 

As informações básicas sobre a bateria automotiva são facilmente encontradas dentro do manual do proprietário. Um desses dados disponibilizados no documento é o tamanho adequado da bateria, fundamental para o correto funcionamento da parte elétrica do veículo.

 

As baterias contêm distinção de altura, largura e amperagem, sendo que a amperagem de boa parte dos produtos disponíveis do mercado é de 60 amperes. É importante ter cuidado: caso ofereçam baterias com amperagem maior alegando que o carro rodará por mais tempo com a carga, verifique se o alterno é capaz de gerar energia suficiente para alimentá-la. Se a resposta for negativa, é melhor não arriscar: ninguém gostaria de jogar dinheiro no lixo.

 

Já que aprendemos como escolher a bateria automotiva da melhor maneira, agora precisamos entender como fazer a bateria durar por mais tempo. Obviamente, cada condutor utiliza o carro de uma maneira própria, exigindo do produto uma capacidade distinta, mas algumas dicas são universais para a duração da mesma.

 

  • Não faça do carro uma boate! Evite deixar o som, luzes ou qualquer outro equipamento ligado enquanto o veículo estiver desligado. Além de sobrecarregar a bateria, fora de movimento o carro não a carrega.

 

  • Não ligue o veículo na prorrogação. Dê partidas curtas, entre cinco e sete segundos. Evite de deixar o carro sem ação, utilizando de sua carga.

 

  • Para identificar a doença, verifique os primeiros sintomas. Se o veículo estiver com dificuldade de partida ou com luzes fracas, regulador de voltagem desregulado, correia frouxa ou fio terra solto, procure a Auto Bitts para verificar se está tudo bem com a bateria automotiva.

 

  • Sua mãe tinha razão: não aceite ajuda de estranhos. Defeitos na bateria só podem ser confirmados se o produto foi testado totalmente. Não deixe que qualquer pessoa teste sua bateria com cabos, tendo em vista que existe a possibilidade de fechamento de curto-circuito entre os pólos, podendo ferver o produto.

 

  • Leve o carro para o médico de confiança. Faça um check-up do carro com o mecânico regularmente (recomendamos que você também faça uma verificação de sua saúde).

 

  • Quer dar um upgrade no seu carro? Use peças originais. Evite a utilização de produtos que não sejam recomendados pelo fabricante do veículo. Peças não-originais podem comprometer a amperagem da bateria automotiva.

Como peças essenciais do carro, as baterias automotivas exigem um cuidado para serem utilizadas da melhor maneira possível. Seguindo as dicas da Auto Bitts, o seu veículo não será necessariamente uma boate, mas terá tanta energia quanto uma.


Produtos relacionados